Perguntas Frequentes

O que é Mercado Livre?

Mercado livre é um ambiente competitivo de negociação de energia elétrica em que os participantes podem negociar livremente todas as condições comerciais, como fornecedor, preço, quantidade contratada, período de suprimento e condições de pagamento, entre outras condições.

Quem pode ser Consumidor Livre?

O consumidor que tem Demanda Contratada maior ou igual a 500 kW pode exercer a opção de migrar para o mercado livre de energia.

Qual a vantagem de comprar energia no Mercado Livre?

No mercado cativo a energia tem preço fixado por tarifas, sem margem de negociação. No mercado livre, o seu preço, a quantidade, os prazos de entrega, as garantias e os reajustes podem ser livremente negociados entre Gerador e Consumidor.

Para quem pago a conta?

A Distribuidora cobra a tarifa TUSD sobre a demanda e o consumo de energia. O vendedor de energia (gerador) emite mensalmente uma nota fiscal de energia, cobrando o referente à quantidade comprada de sua geração, qualquer que seja o consumo havido, conforme o contrato vigente entre as partes. São pagamentos independentes.

Existe risco de abastecimento no Ambiente Livre?

Os riscos de abastecimento são os mesmos para o Ambiente Livre e para o Ambiente Cativo, pois as diferenças ocorrem no âmbito contratual, não havendo diferença física ente os dois ambientes.

Posso sofrer retaliações da Concessionária?

Não. Por determinação legal, ela segue sendo obrigada a prestar toda a entrega física da energia e a manutenção nos mesmos moldes, pois a legislação a mantém obrigada, sem distinção entre consumidores livres ou cativos.

Como funciona nos Estados Unidos e na Europa?

Lá o mercado já é bem mais desenvolvido, tendo sido o nosso sistema copiado em parte do deles. Existem mecanismos de grande liquidez e muitas opções de contratos de hedge negociados em várias bolsas de energia.

O que é Mercado Livre de Fontes Renováveis?

É o mercado para consumidores, atendidos por fontes alternativas de geração (eólica, biomassa, PCH) em qualquer tensão, em cuja unidade consumidora a demanda contratada totalize, em qualquer segmento horo-sazonal, no mínimo 500 kW. Para os consumidores que optarem por esse mercado, fica estipulado o percentual de redução de 50% (cinquenta por cento), a ser aplicado às tarifas de uso dos sistemas elétricos de transmissão e de distribuição.

Caso a energia contratada (consumidor livre) supere o consumo efetivo, liquida-se a poupança energética no mercado spot ou existem outras opções?

Existem duas opções: liquidar a PDL no mercado spot ou, então, por intermédio de um comercializador, que pode revender no mercado com o preço de PLD mais ágio, desde que o agente autorize.