Setores automotivo e de bebidas lideram consumo no mercado livre de energia

Setores automotivo e de bebidas lideram consumo no mercado livre de energia

Os setores de produção de bebidas e automotivo aumentaram o consumo de energia elétrica em 22,5% e 20,4%, respectivamente. Os números representam os maiores avanços no uso de eletricidade no mercado livre de energia, o Ambiente de Contratação Livre (ACL), entre 2017 e 2018, segundo informações da Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel).

As informações da Abraceel são de que o consumo no ACL cresceu 9,3% nos últimos 12 meses, principalmente pela forte migração de empresas para o modelo de comercialização de energia. Esse movimento tem como principal incentivo a economia nos gastos com energia elétrica, que é de, em média, 20% quando comparada aos custos com energia elétrica no Ambiente de Contratação Regulada.

As empresas e associações do setor têm trabalhado na ampliação do ACL, principalmente com o apoio para a aprovação do Projeto de Lei 1917, que  tem como objetivo ampliar a capacidade de acesso ao mercado livre para todos os consumidores, de forma que os residenciais possam também escolher seu fornecedor de energia.